Postado por em 08/09/2014 • 10:25pm

Hoje (08), a página do site de entretenimento BuzzFeed divulgou uma entrevista com o ator Dylan O’Brien. O colunista Jarett Wieselman teve a oportunidade de ouvir o jovem ator falar sobre diversos assuntos. Alguns deles foram a vida pessoal e a infância de Dylan, o início de sua carreira com seu canal no YouTube, que acabou o levando para a televisão e consequentemente para as telonas do cinema, sua crescente legião de fãs e suas influências artísticas. A entrevista também conta com depoimentos de colegas de trabalho do intérprete do nosso Stiles Stilinski: Jon Kasdan, com quem trabalhou no filme The First TimeWes Ball, que o dirigiu em The Maze Runner e, é claro, o produtor executivo de Teen Wolf, Jeff Davis. Vale a pena conferir na íntegra a tradução da incrível e comovente matéria a seguir:

O HERÓI DE AÇÃO MAIS INESPERADO DO ANO

Como uma infância solitária, irreverentes vídeos no YouTube, e uma série de TV sobrenatural prepararam Dylan O’Brien para estrelar o filme da grande franquia de aventura deste Setembro.

Enquanto 4.000 fãs gritando fixavam seus olhares em um microfone no meio do cavernoso Salão 20 da San Diego Comic-Con, uma jovem garota se aproximou e limpou a garganta.

“Olá! Eu te amo, Dylan O’Brien,” ela exclamou animadamente, já lutando contra lágrimas. “Aw, você é tão fofa,” respondeu O’Brien e, com um único elogio, sem querer provocou um completo colapso emocional: Os joelhos da garota fraquejaram, seu corpo inteiro tremeu, e seu choro histérico não podia ser reprimido.

“Você está bem?” O’Brien perguntou, genuinamente preocupado, enquanto ela repetia, “Ai meu Deus. Meu Deus. Meu Deus,” através de uma máscara de lágrimas intermináveis.

Esses tipos de síncopes incontroláveis, reservados apenas para as maiores estrelas do mundo, têm se tornado cada vez mais comuns na vida de O’Brien porque, para os dois milhões de fãs que religiosamente assistem Teen Wolf toda semana, isso é exatamente o que ele é: um superstar.

Desde seu lançamento em Junho de 2011, o drama sobrenatural de lobisomens da MTV cresceu de modo a se tornar a série de marca registrada da emissora e levou O’Brien à capa de todas as revistas teen, e apanhou para ele aproximadamente dois milhões de seguidores no Twitter bem como um fluxo interminável de santuários no Tumblr. Nas recentes temporadas, sua performance como Stiles Stilinski, o engraçado melhor amigo do personagem lobisomem do título de Tyler Posey, evoluiu para além do simples alívio cômico, revelando um ator muito mais complexo, sutil e competente.

O’Brien está agora tentando apostar sua popularidade da televisão e internet em sucesso de bilheteria com o lançamento em 18 de Setembro do filme de ação The Maze Runner, uma adaptação da distopia de 2009 (com o subtítulo de Correr Ou Morrer no Brasil) para jovens adultos de autoria de James Dashner que gira em torno de um labirinto misterioso e seus relutantes habitantes.

A 20th Century Fox, o estúdio por trás de Maze Runner, está apostando muito em O’Brien. A pré-produção da sequência – baseada no The Scorch Trials (no Brasil, Prova de Fogo) de Dashner – já começou no Novo México e O’Brien está, essencialmente, no centro de sua onipresente campanha de divulgação. A esperança é claramente mobilizar seus fãs para que eles compareçam em massa durante a primeira semana.

Mas ao O’Brien se encostar em sua cadeira no Cipriani, localizado dentro do boutique hotel em Beverly Hills, um mês após aquela garota ter uma síncope ao vê-lo na Comic-Con, ele pareceu quase não se dar conta de quanto peso está sendo carregado por seus graciosos ombros.

“Eu nunca pensei no tamanho do filme,” o rapaz de 23 anos controu ao BuzzFeed News, com um encolher de ombros. “Avançamos para um ano depois e a primeira pergunta que eu escuto de todo mundo é, Então esse filme vai estourar, o que você vai fazer? Nunca foi assim. Era um script oprimido e um projeto que não chamava muita atenção com tantos relativamente novos ou promissores atores – nós não temos ninguém no filme como Kate Winslet [Divergente] ou Donald Sutherland ou Phillip Seymour Hoffman [Jogos Vorazes]. Então sempre pareceu super pequeno para nós, mas sempre soubemos que poderia existir no meio desses por ser tão bom.”

O’Brien foi rápido em adicionar que se livrar das expectativas da indústria não deve ser confundido com ignorância profissional. Na verdade, ele está incrivelmente atento – quase até demais – ao material que ele expõe à sua jovem base de fãs, particularmente nas redes sociais.

“Eu sou tão cuidadoso com as coisas que digo e tão consciente dos meu fãs e de quem me segue no Twitter que eu sei que não posso twittar sobre certas coisas, sei que não posso falar sobre certas coisas, sei que não posso dizer certas coisas,” ele conta. “Eu sinto que há pouquíssimas pessoas cuja personalidade é refletida no Twitter. O meu não poderia estar mais distante de quem eu sou. De vez em quando eu coloco um pouco do meu humor, mas é muito contido e reservado porque a atenção sempre me fez reagir dessa forma. É simplesmente como eu sou programado. Não quer dizer que eu não seja grato, é na realidade por eu me importar bastante com não decepcionar as pessoas.”

A natural necessidade de O’Brien de agradar tem sido amplificada pelo absoluto volume de fãs que ele acumulou apenas nos últimos anos. “É muito impressionante pra mim,” ele comenta sobre o nível de adoração no limite da loucura que ele tem recebido desde que conseguiu o papel de Stiles. “De certa forma, eu nunca consigo entender completamente isso porque eu não sei se sou programado assim. Mas o que faz eu me sentir bem a respeito disso é que eu os faço felizes e com isso eu posso me identificar.”

Ele explicou, “Eu amava tanto filmes quando era criança porque eu me mudei pro outro lado do país e passei por um tempo difícil na escola, com crianças me infernizando sem razão nenhuma. A única coisa pela qual eu esperava ansiosamente no final do dia era ir pra casa e assistir minhas séries. Programas de TV e filmes costumavam gerar essa felicidade em mim. Então eu entendo completamente. Eu estive desse lado também. Eu fico tocado de verdade com isso algumas vezes porque agora eu posso dar isso às pessoas, e isso é legal.”

A mencionada mudança em 2003, de Nova Jersey para a Califórnia, não só fez O’Brien o alvo da indignação de muitos bullies, mas também intensificou sua natureza introvertida. “Eu era dolorosamente, dolorosamente tímido,” ele declara, sem nenhum sinal de vergonha, sobre sua infância. “Passei quatro ou cinco anos sem ter nenhum amigo.” Na falta de alguém real para brincar, O’Brien abraçou seu amor por cultura pop e começou a criar curtas, dos quais a maioria ainda existe online até o dia de hoje.

“Eu nunca sequer pensei em deletá-los,” ele comentou com um sorriso duvidoso sobre os vídeos – um dos quais conta com O’Brien dublando Spice Girls – contradizendo a reação automática que celebridades conscientes demais de sua imagem têm a respeito de suas vidas pré-fama online. “Não é como se eu os deixo lá porque eles são muito bons. Obviamente, eu olho para aqueles vídeos e eu me encolho. Mas aqueles vídeos eram minha vida naquela época – e o que começou minha carreira.”

Apesar de O’Brien estar criando exclusivamente para si, os vídeos começaram a ganhar atenção, tanto online quanto na indústria, tornando-se parte do cartão de visita do na época garoto de 18 anos de idade.”

“Eu lembro que tudo o que ele tinha na parte de trás de seu currículo era dois links do YouTube,” o produtor executivo de Teen Wolf Jeff Davis contou ao BuzzFeed sobre o primeiro teste de O’Brien para Stiles em 2010. “Ele era engraçado e tinha uma energia nele, uma elasticidade no corpo e nos movimentos dele. Ele realmente nos impressionou. Naquela noite, eu fui pra casa e comecei a assistir os filmes dele no YouTube. Depois daquilo, ele era a única pessoa que eu conseguia ver interpretando Stiles.”

A dominante narrativa sobre a carreira de O’Brien – que ele foi, fundamentalmente, tirado do anonimato pela MTV – é uma que o ator não prova falsa. Na verdade, ele é grato pelo incomunmente rápido caminho para se tornar um ator empregado. “Eu acho que foi a melhor forma de acontecer pra mim porque eu tinha tantas dúvidas quando era criança,” disse O’Brien. “Eu nunca considerei essa carreira sinceramente possível na minha cabeça, então ser jogado nela me ajudou de verdade porque me deu muita confiança de que isso é algo que eu estou destinado a fazer pelo resto da minha vida.”

Para O’Brien, a série da MTV acabou sendo mais do que uma plataforma de lançamento profissional; ela também o inscreveu em uma escola de atuação não-oficial. “Aulas são ótimas, mas eu nunca precisei fazê-las porque eu tive sorte o bastante de estar trabalhando pelos últimos três anos,” disse o ator, que não é formalmente treinado. “Eu simplesmente vou pelo instinto e eu honestamente nem sei se eu poderia fazer de algum outro jeito. Eu só sinto que atuar deve ser o mais real e transparente e humano e cru que puder ser. Eu meio que sempre gostei de ser um humano primeiro e um ator em segundo lugar.”

Esse estilo de performance orgânico não só capturou a atenção dos fãs de Teen Wolf – instantaneamente transformando seu personagem de melhor amigo em um, potencialmente, co-protagonista – mas também os diretores que o testaram para papéis em filmes posteriormente.

“Dylan veio; com 20 segundos de teste, ele era o candidato de preferência entre todos os que eu havia visto para o papel até aquele ponto,” o escritor/diretor Jon Kasdan escreveu por e-mail ao BuzzFeed News sobre a escolha de O’Brien no The First Time de 2012, uma comédia romântica colegial com estilo Hughes-iano co-estrelando Britt Robertson. “Qualquer que seja essa coisa imaterial, que todo ator do mundo quer ter e quase nenhum deles tem, o Dylan tem.”

Enquanto todo espectador de Teen Wolf saiba do carisma ao qual Kasdan se refere, a pergunta ainda não quer calar: Será o “fator diferencial” de O’Brien o suficiente para transformar Maze Runner em um hit instantâneo?

Por mais que o filme tenha a presença de muitos atores jovens em progressão (a estrela de We’re The Millers Will Poulter, Thomas Brodie-Sangster de Game Of Thrones, e a veterana de Skins Kaya Scodelario), é muito mais um veículo para a estrela O’Brien, que interpreta Thomas, o mais novo prisioneiro solto dentro do grande quebra-cabeça.

“Eu precisava que Thomas viesse ao mundo como uma criança assustada e vulnerável, mas deixasse um homem,” o diretor Wes Ball revelou ao BuzzFeed News sobre sua tarefa de elencar um ator que pudesse convincentemente interpretar Thomas em ambas as extremidades desse espectro muito importante como um todo. “Dylan é esse menino muito doce que só quer trabalhar muito. Ele não tem medo de expor a si mesmo ou parecer fraco. Ele tem confiança que não é para causar impressão. É isso que faz dele o tipo de herói que eu amo: não um super-herói, uma pessoa normal fazendo coisas extraordinárias.”

A dualidade estava prontamente aparente para O’Brien e foi uma das muitas atrações do projeto para ele. “A primeira coisa que eu notei foi que eu sentia que era certo para o papel quando eu li o script,” O’Brien disse, mexendo em seus rebeldes cabelos. “Eu gostei da forma que a história foi contada, eu achei que era um conceito legal, e aí eu conheci Wes, que me surpreendeu. Basicamente foi quando esse filme se tornou em algo pelo qual eu estava disputando. Quando eu consegui, eu percebi que eu tive muita sorte.”

Três definições características repetidamente surgiram conforme Davis, Kasdan, e Ball falaram sobre O’Brien.

Primeira: Seu entusiasmo infinito. “A energia dele não me impressiona tanto quanto eu a invejo,” Kasdan escreveu. “É sem limites e juvenil e exuberante e hilária e … inspira aquele filme com vida e eletricidade.”

Segunda: Sua total falta de ego. “A coisa incomum a respeito de Dylan é que ele não é de forma alguma convencido ou narcisista,” Kasdan adicionou. “Digo, DE FORMA ALGUMA. O que, para um ator, é bem incomum. Ele é apenas um rapaz simpático e entusiasmado. Ele é risada garantida e inclusivo de todos.”

Terceira: Seu inabalável compromisso com o trabalho. “Dylan é alguém que se importa profundamente com a habilidade de atuar,” declarou Davis. “E, como é do jeito de artistas com paixão, ele não liga muito para a fama. É uma espécie de efeito colateral estranho para ele. Muitas pessoas vêm para Hollywood à procura de fama, e elas nunca encontram a profundidade da qualidade em sua atuação. E então há outros que simplesmente experienciam a fama como um efeito colateral de seu talento. E Dylan é assim, ele é focado na arte.”

Para Ball, a união da energia, falta de ego, e imperturbável dedicação de O’Brien foram os principais motivos pelos quais as filmagens de The Maze Runner fizeram tanto sucesso. “É difícil para o pessoal ter preguiça quando você tem Dylan – que acabou de filmar por 14 horas – espancado e ferido, mas ainda assim trabalhando no dia seguinte com tanto entusiasmo quanto ele trabalhou anteriormente,” o diretor contou. “Era difícil não tentar e se levantar e apoiar o garoto. Todos sabiam que o filme era uma carga dele então era questão de acompanhar o nível de envolvimento dele.”

Sabendo que teria que imergir completamente no personagem para solidificar o mundo fantástico do filme, O’Brien contemplou Tom Hanks, Dustin Hoffman, Phillip Seymour Hoffman, e Matt Damon, atores que ele há muito tempo considera profissionais e inspirações pessoais. “Eu olho para eles como heróis,” ele revelou. “Eu era uma criança os assistindo e eles completamente moldaram o jeito que eu trabalho, porque eu não frequentei nenhuma escola de teatro. Eu me baseio no que eu amo e isso tem sido impregnado em mim apenas através da paixão deles pelos trabalhos deles.”

Essa admiração tem crescido para uma verdadeira paixão, de acordo com seus antigos e atuais chefes, que não podem evitar em ver sombras da antiga geração de Hollywood no trabalho e na personalidade de O’Brien.

“Pessoas sempre o comparam com grandes estrelas do cinema, como Harrison Ford ou Tom Hanks – e eu concordo,” Ball relatou. Davis concordou: “Eu acho que ele é como Tom Hanks; eu o vejo ir da comédia para o drama. Eu acho que ele pode estar mais interessado em drama no momento porque é algo que o desafia, e isso o assusta um pouco.”

Kasdan levou esses sentimentos um degrau acima. “Um cara que é genuinamente divertido e tem essa aparência? É o recurso mais valioso e raro em Hollywood, porque a maioria dos filmes é sobre homens jovens, brancos. E tem talvez uma dúzia de rapazes no meio todo que são essas duas coisas. De qualquer idade. O melhor exemplo nesse momento é obviamente Chris Pratt, que é hilário e tem cara de protagonista, e você está vendo o que está acontecendo com ele. Dylan é um desses caras, então o potencial dele é… bem ilimitado. O que seria mais surpreendente é se ele não acabasse salvando o mundo de uma ameaça alienígena em algum tempo durante os próximos anos.”

E por mais que esses tipos de grandes trabalhos provavelmente virão bater à sua porta, O’Brien continua comprometido a cultivar um tipo muito particular de carreira. “Eu sou alguém que é atraído por projetos que não são necessariamente equipados para o sucesso,” ele disse, com uma risada. “Eu não estou indo atrás do projeto que todos os agentes estão tentando fazer com que você consiga fazer parte do elenco. Eu gosto de fazer coisas que meio que surgem do nada. Eu acredito que isso é legal e especial e o que eu quero fazer em termos de minha carreira.”

Mas, no final, o menino tímido que enfrentou anos sem amigos pode vencer, já que sua aversão profunda à atenção – o tipo que particularmente vem de liderar franquias enormes do cinema – poderia ser o combustível da decisão de estrelar menores, mais pessoais projetos.

“Eu sou muito privado e eu particularmente não amo ser o centro das atenções,” ele conta, ironicamente, enquanto um mutirão de publicistas nos cercavam, sinalizando o final da entrevista. “Todo mundo que eu conheço fica tipo, ‘Você? Tímido? Para de me zoar.’ Mas eu acho que as pessoas são capazes de trabalhar em formas que contradizem quem elas são como pessoa. Esse é o meu trabalho, é isso o que eu faço, e eu me sinto tão grato. Eu amo fazê-lo e eu me sinto bem fazendo, mas ao mesmo tempo, muito dele combate contra a pessoa dentro de mim que só se sente confortável com certas pessoas. Eu ainda sou, naturalmente, uma pessoa muito tímida.”

Fonte.
Tradução & Adaptação:
Equipe TWBR.

Através de seu Twitter, O’Brien agradeceu pessoalmente pelo artigo, o qual ele disse ter sido muito emocionante. Ele ainda o descreveu como “uma verdadeira, honesta conversa que eu sinto que é muito raro nesta indústria.”

O último episódio da quarta temporada de Teen Wolf irá ao ar hoje, às 23h, no horário de Brasília, pela emissora americana da MTV. Já The Maze Runner, tem sua estréia marcada para o dia 18 de Setembro nos cinemas. Não deixe de acessar o nosso site para saber mais sobre os projetos de Dylan O’Brien, além de acompanhar suas aventuras como Stiles em Teen Wolf.










780786074864_28129.jpg
780786074864_28429.jpg
780786074864_28329.jpg
780786074864_28229.jpg
4067867864_28229.jpg
4067867864_28429.jpg
4067867864_28329.jpg
4067867864_28129.jpg
4067867864_28629.jpg
4067867864_28529.jpg
5406854562_28829.jpg
5406854562_28729.jpg
5406854562_28629.jpg
5406854562_28229.png
5406854562_28129.png
5406854562_28129.jpg
5406854562_28529.jpg
5406854562_28429.jpg
5406854562_28329.jpg
5406854562_28229.jpg
4068643415_28129.jpg
4068643415_28429.jpg
4068643415_28329.jpg
4068643415_28229.jpg
65408850_281229.jpg
65408850_281129.jpg
65408850_281029.jpg
65408850_28829.jpg
65408850_28729.jpg
65408850_28629.jpg
65408850_28529.jpg
65408850_28429.jpg
65408850_28329.jpg
65408850_28229.jpg
65408850_28129.jpg
504984840_28229.jpg
504984840_28329.jpg
504984840_28429.jpg
504984840_28129.jpg
7806786045_28129.jpg
7806786045_28329.jpg
7806786045_28229.jpg
8709764676_28429.jpg
8709764676_28329.jpg
8709764676_28229.jpg
8709764676_28129.jpg
8709764676_28329.png
8709764676_28529.jpg
8709764676_28229.png
8709764676_28129.png
8709764676_28529.png
8709764676_28429.png
4807864343_281529.jpg
4807864343_281429.jpg
4807864343_281329.jpg
4807864343_281229.jpg
4807864343_281129.jpg
4807864343_281029.jpg
4807864343_28929.jpg
4807864343_28829.jpg
4807864343_28729.jpg
4807864343_28629.jpg
4807864343_28529.jpg
4807864343_28429.jpg
4807864343_28329.jpg
4807864343_28229.jpg
4807864343_28129.jpg
896078564_28229.jpg
896078564_28429.png
896078564_28329.png
896078564_28229.png
896078564_28129.jpg
896078564_28429.jpg
896078564_28529.png
896078564_28329.jpg
7860456456_28529.jpg
7860456456_28429.jpg
7860456456_28329.jpg
7860456456_28129.jpg
7860456456_28229.jpg
870585533_28829.jpg
870585533_281029.jpg
870585533_28929.jpg
870585533_28729.jpg
870585533_28629.jpg
870585533_28529.jpg
870585533_28429.jpg
870585533_28329.jpg
870585533_28229.jpg
870585533_28129.jpg
54065462003_28829.jpg
54065462003_28729.jpg
54065462003_28629.jpg
54065462003_28529.jpg
54065462003_28329.jpg
54065462003_28229.jpg
54065462003_28129.jpg
54840665_28829.png
54840665_28729.png
54840665_28629.png
54840665_28529.png
54840665_28429.png
54840665_28229.png
54840665_28129.png
65645456_28529.png
65645456_28429.png
65645456_281229.jpg
65645456_281129.jpg
65645456_281029.jpg
65645456_28929.jpg
65645456_28829.jpg
65645456_28729.jpg
65645456_28329.png
65645456_28129.png
65645456_28229.png
65645456_28629.jpg
65645456_28529.jpg
65645456_28429.jpg
65645456_28329.jpg
65645456_28229.jpg
65645456_28129.jpg
540854046_28429.jpg
540854046_28129.jpg
540854046_28329.jpg
540854046_28229.jpg
70865864536_281329.jpg
70865864536_281229.jpg
70865864536_281129.jpg
70865864536_281029.jpg
70865864536_28629.jpg
70865864536_28729.jpg
70865864536_28529.jpg
70865864536_28429.jpg
70865864536_28929.jpg
70865864536_28329.jpg
70865864536_28829.jpg
70865864536_28229.jpg
70865864536_28129.jpg
4598845203_28129.png
4598845203_28129.jpg
4598845203_28929.jpg
4598845203_28829.jpg
4598845203_28729.jpg
4598845203_28629.jpg
4598845203_28229.png
4598845203_28329.jpg
4598845203_28529.jpg
4598845203_28429.jpg
4598845203_28229.jpg
7097576534_28729.jpg
7097576534_28629.jpg
7097576534_28529.jpg
7097576534_28429.jpg
7097576534_28929.jpg
7097576534_28329.jpg
7097576534_28829.jpg
7097576534_28229.jpg
7097576534_28129.jpg
860786645211_28829.jpg
860786645211_28729.jpg
860786645211_28629.jpg
860786645211_28529.jpg
860786645211_28429.jpg
860786645211_28329.jpg
860786645211_28229.jpg
860786645211_28129.jpg
78907864422_28329.JPG
78907864422_28229.JPG
78907864422_28129.JPG
78907864422_28829.jpg
78907864422_28729.jpg
78907864422_28629.JPG
78907864422_28529.JPG
78907864422_28429.JPG
7804545455_28129.jpg
7804545455_28429.jpg
108645314_28229.jpg
108645314_28329.jpg
108645314_28429.jpg
108645314_28129.jpg
6078645244_28129.jpg
6078645244_28429.jpg
6078645244_28229.jpg
8906864666_281729.JPG
8906864666_281629.JPG
8906864666_281529.jpg
8906864666_281429.jpg
8906864666_281329.JPG
8906864666_281229.jpg
8906864666_281129.jpg
8906864666_281029.jpg
8906864666_28929.JPG
8906864666_28829.jpg
8906864666_28729.jpg
8906864666_28629.jpg
8906864666_28529.jpg
8906864666_28429.jpg
8906864666_28329.jpg
8906864666_28229.jpg
8906864666_28129.jpg

Atualizações da Galeria

Nossa Fanpage

Tema por Gabriela Gomes • Teen Wolf Brasil Copyright 2015 - Alguns direitos reservados - Pessoas online - Hits: